.
.

Paisagens urbanas (2)

Horas azuis...

O tempo silenciado
na vertigem vertical,
concreta e edificada
em margens de céu e mar...
.
____________ [Sem aviso e sem licença,
____________ farfalham asas e sonhos
____________ no fim de tarde imprevisto
____________ que tinge de azul as horas...]
.
.
.
"Horas azuis"
Paisagens urbanas (2)
Balneário Camboriú-SC - Março/2009
Texto e foto: Helena Chiarello
.

4 comentários:

jღssara disse...

Horas azuis são as que você no dá em versos e imagens. Á cidade fotografada é linda e pelos "teus olhares", parece muito mais bonita!
É muito bom ler o que você escreve e muito bom ver o que você vê!!
Lindas as fotos!
Parabéns e beijos!

Anderson Fabiano disse...

stella mia,
o mundo é sempre azul dependendo dos olhos de quem o vê, pois, não são os prédios que trocam de cor, nem as gaivotas desatentas que farfalham suas asas diante de uma câmera, mas é a sua incessante busca da beleza que nos faz levitar diante dessas imagens que sua alma aprisiona no tempo pra nosso deleite.

assim, amo vc por isso também.

segue tua estrela, amor. mas, deixa sempre tua mão ao alcance da minha.

barba

Gaivotadourada22 disse...

Nessas "Horas azuis" uma gaivota em plenitude! Uma Poesia capturada no momento... Aplausos Lê! Beijos!

Gaivotadourada22 disse...
Este comentário foi removido pelo autor.